Marjorie e Germano

SEJAM BEM-VINDOS AO NOSSO SITE
Marjorie e Germano

O nosso amor...

Quando nos conhecemos, nem imaginávamos que um dia tudo isso acabaria como um final de conto de fadas, com a realização do nosso grande sonho: o casamento! O coração aperta, o dia está chegando, e começa a passar um filme de tudo o que passamos para chegar até aqui. E como é bom relembrar cada pedacinho da nossa história de amor.

UM POUCO DA NOSSA HISTÓRIA

 

Nós já éramos amigos nas redes sociais, mas nos conhecemos pessoalmente em 2011. Os primeiros encontros foram nas festas que ocorreram na antiga Moom. Aos poucos, a amizade ficou mais colorida e quando percebemos, mesmo sendo apenas amigos, sentíamos ciúmes um do outro e uma vontade de estar sempre por perto. Era o amor surgindo. Ao som da canção "Aí já era", de Jorge e Matheus, temos a trilha sonora da nossa história de amor. 

 

O Gê dizia: "Quando você me conhecer, de verdade, vai querer ficar comigo". Naquela época, tinha a impressão de que ele era um metido e que não estava afim de algo mais sério. E eu queria ter alguém do meu lado para sempre. Quanta bobagem eu ter pensado isso, hoje percebo que o Gê sempre esteve do meu lado, desde o primeiro dia em que o destino foi bondoso de nos unir. Tudo bem que foi ele quem se interessou primeiro, mas o primeiro beijo quem roubou fui eu. E faria isso mil vezes. 

 

Desde as primeiras manisfestações de sentimento, o nosso amor foi intenso, verdadeiro e que eu jamais imaginei sentir por alguém. O Gê me fez enxergar o cara sensacional que ele é, com quem tenho a sorte de ter como meu amor, dono do meu coração.

 

Juntos, vivemos situações memoráveis que choro de alegria só de lembrar, como o pedido de casamento surpresa. Ele preparou tudo. Inventou uma história de que tinha milhas vencendo, que precisava emitir passagens, escolhendo Porto de Galinhas (PE) para passearmos. Na noite do dia 17 de outubro de 2015, o Gê saiu antes do quarto com a desculpa de garantir uma reserva no restaurante do hotel. Já pronta e indo encontrá-lo, no caminho me deparei com uma estrutura montada de frente para o mar e a música "Aí já era" ecoando pelo local. Sabia que era algo para a gente, já que logo completaríamos 4 anos de namoro. As minhas pernas já estavam bambas e o choro, obviamente, incontrolável. Quando vi o Gê, lindo, com um sorriso cheio de sinceridade e um buquê de rosas vermelhas, nos abraçamos fortemente. Eu não tinha percebido que a outra mão dele estava escondida e, na sequência, fui surpreendida com um pedido de casamento e um anel de noivado. A emoção tomou conta da gente. Jamais esqueceremos desse momento especial.

 

Prestes a ser a esposa do Gê, finalizo esse texto agradecendo a Deus por permitir que o nosso amor, ao longo desses quase seis anos, permanecesse forte, repleto de cumplicidade e respeito. Rumo ao altar, não poderíamos deixar de mencionar o carinho que cultivamos pelos nosso familiares e amigos, pessoas que sempre estiveram presentes, desde o início da nossa caminhada, nos apoiando em todos os momentos! 

 

O tão esperado dia 30 de setembro se aproxima e estaremos imensamente felizes por ter as pessoas que tanto amamos vibrando e abençoando a nossa união.

 

Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes
Fotos Recentes